segunda-feira, 18 de abril de 2011

Saia justa !


O episódio por qual passou o Senador da republica neste final de semana, que até então tido como um personagem exemplar no cenário político brasileiro, mostra o quanto frágil é a reputação.

Agir como uma pessoa normal, no caso dele e de qualquer outro brasileiro, seria o normal!

E foi... Usou do artificio que a lei fornece para não produzir provas contra si.

Agir como um normal!... Mas num é isso que se espera de quem é um exemplo cara pálida?

Ser normal neste caso não é normal! Ele não podia nem devia ter ficado nesta posição frágil!

Se bebeu e dirigiu, ninguém sabe, ninguém viu e nunca saberemos! Também nunca será chamado, pelo menos por mim, de mais um bêbado que estava dirigindo.

Será lembrado (esquecido) como só mais um brasileiro, como tantos, que esquece de renovar a carteira de habilitação e foi surpreendido numa blits.

Mas precisamos ser justo, no ato de agir como uma pessoa normal, sem "carteirada" nem cafezinho, agindo como um simples mortal é um bom exemplo!

Num queria estar na pele dele!..

Será ele julgado pela opinião publica como um normal?

Um certeza eu tenho, sempre será lembrado nas próximas campanhas políticas!

Ninguém pode esquecer de um ensinamento muito antigo !


"À mulher de César não basta ser honesta, deve parecer honesta."
(Caio Júlio César)


Tenho dois conselhos:

Que tal da próxima vez ir de taxi ?

Sempre lembre do seguinte:

"Não exponha suas fragilidades em publico se não quiser se ver na privada!"
(Igmar Falcone)


Pois é Senador! Que saia justa hein ?

Boa sorte !

- Posted using BlogPress from my iPhone

Nenhum comentário:

Postar um comentário